As marcas da CODIC são:

Os produtos da CODIC para aeroportos são AeroCODIC, KARTRAK, Luggage Trolley Conveyor (LTC), Luggage Trolley (Caddy), Tubbo, Movexx e Passenger Queueing System (PQS):

AEROCODIC
KARTRAK
LTC
LUGGAGE TROLLEY
TUBBO
MOVEXX
PQS
 

AEROCODIC. SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO DE CARROS PORTA-BAGAGENS

1. Serviços de Carros porta-bagagens
1.1- Introdução
1.2 - Sistemas de Gestão de carros porta-bagagens
1.3 - Dados de Interesse

2. Equipos da AEROCODIC
2.1 – Como é que funciona a AEROCODIC
2.2 - Componentes da AEROCODIC
2.3 - Carros porta-bagagens
2.4 - O Centro de Controle

3. Exploração do Serviço: Auditoria e Arrecadação

4. Definição do Serviço e os Equipos do Fornecimento


1. SERVIÇOS DE CARROS PORTA-BAGAGENS
1.1- INTRODUÇÃO

O objetivo do sistema de Equipamentos de Carros porta-bagagens é melhorar o nível de serviço oferecido ao usuário e, no mesmo tempo, a posição financeira do Aeroporto.

Nosso sistema de Equipamentos de Carros assegura ao usuário que o mesmo pode obter um carro quando e onde precisar. Além disso, o sistema reduz a desordem de carrinhos abandonados, reduz o risco de danos potenciais e oferece um ambiente mais atraente.

Este dossier explica as vantagens que oferece o sistema AEROCODIC de distribuição de Carros porta-bagagens, bem como informações detalhadas sobre os equipamentos utilizados, o seu funcionamento e a operação dum serviço de carros porta-bagagens otimizado.

1.2- SISTEMA DE GESTÃO DE CARROS PORTA-BAGAGENS

Como em qualquer negócio, uma boa gestão é a chave para operar um serviço de carros porta-bagagens eficiente, com custos minimizados.
Existem três formas para gerir esse tipo de serviço:






• 1. SERVIÇO GRATUITO:
Financiado a 100% pelo Aeroporto, este serviço é gratuito para os utentes, e presentemente é o sistema mais comum.
Tem a vantagem de agradar ao viajante, porque não se paga. Além disso, elimina problemas de câmbio. Não obstante, um serviço gratuito tem um custo elevado para o Aeroporto e exige mais carros, pessoal e manutenção do que outros tipos de serviço. Além disso, paradoxalmente, está provado que geram mais reclamações operando com este tipo de serviço do que com os outros.


• 2. SERVIÇO DE ALUGUER:
Uma solução que é autofinanciada e onde o usuário deve pagar pela locação de um carro. Podem retirar os carros a partir de um posto de abastecimento pagando o valor estipulado. Este tipo de serviço é o mais frequente nos EUA e requer equipamentos de distribuição da AEROCODIC ou similar.
Fornece um serviço otimizado para o usuário, uma vez que financia a operação do serviço, amortizando dessa maneira o custo dos equipamentos instalados num tempo razoável. É mais, o serviço de aluguer fornece uma fonte de renda interessante para o Aeroporto, fazendo-o ainda mais atraente.

3. SERVIÇO DEPÓSITO-REEMBOLSO:
Financiado pelo Aeroporto, este serviço exige que o usuário realize um depósito para poder obter um carro. O depósito é totalmente ou parcialmente devolvido quando o usuário retorna o carro em qualquer posto de abastecimento do sistema. Este serviço está operando em alguns Aeroportos da Europa e precisa de equipamentos de abastecimento da AEROCODIC ou similar. 
Proporciona ao usuário um serviço ao mesmo tempo de assegurar ao Aeroporto uma fonte de renda. Isso permite amortizar parte do custo de oferecer este serviço. A obtenção do depósito significa uma tarefa adicional para o usuário.

1.3- DADOS DE INTERESSE

Fornecer um serviço de carros porta-bagagens gratuito é um desafio para os Aeroportos.
A seguinte informação, obtida de diversos aeroportos, indica situações e números semelhantes:

   
  SEM AEROCODIC

1• Para um Aeroporto de aprox. 10 milhões de passageiros anuais, o custo de oferecer um serviço de carros porta-bagagens ultrapassa os 600,000 Euros/ ano

2• Para o mesmo Aeroporto, o uso do serviço é de, aproximadamente, 20% (2 milhões de passageiros por ano)

3• Já que o serviço é gratuito para o usuário, o uso é maximizado e indiscriminado: isto provoca desgastes nos carros e gera vandalismo. 

4• Um serviço com estas características requer uma equipe de 40 pessoas aproximadamente.

 

5• A logística das quantidades disponíveis e dos movimentos de carrinhos porta-bagagens baseia-se em dados históricos, em vez de informações obtidas em tempo real

6• A taxa de satisfação dos clientes com um serviço gratuito é desfavorável  

7• Carros abandonados desordenam as instalações aeroportuárias.

8• Desaparecem mais de 50 carrinhos ao mês.

9• Há um alto risco de acidentes devido ao escasso controlo dos carros abandonados.


   
  CON AEROCODIC

1• Normalmente, o sistema AEROCODIC é implantado sem qualquer custo para o Aeroporto e é capaz de se autofinanciar. O Aeroporto recebe uma renda adicional para este serviço.

2• O sistema Aerocodic reduz o uso de carros porta-bagagens por cerca de 40%.

3• Dado que o serviço AEROCODIC não é gratuito, elimina-se o uso indiscriminado dos carros. A redução no uso mantém os carros em bom estado.

4• Com o pessoal semelhante, e com a informação assegurada em tempo real, proporcionada por AEROCODIC, um supervisor pode direcionar os funcionários para manter todos os distribuidores cheios de carros, oferecendo ao usuário um serviço melhorado.

5• A logística das quantidades disponíveis e dos movimentos de carrinhos baseia-se em dados em tempo real.

6• A taxa de satisfação dos clientes é muito boa, com um sistema da AEROCODIC.

7A redução do uso dos carros e a informação disponível do sistema torna possível minimizar a desordem de carros abandonados.

8• Há uma redução no roubo de carros.

9• Reduz-se ao mínimo o risco de acidentes devido ao escasso controlo de carrinhos abandonados


2. EQUIPOS DA AEROCODIC
2.1- CÓMO FUNCIONA AEROCODIC

Tendo em conta que este serviço é importante do ponto de vista da imagem percebida pelos utentes, os equipos permitem a obtenção do carro de uma forma rápida, cómoda e simples.

Os distribuidores automáticos de carros porta-bagagens têm uma dupla finalidade: por um lado, permitem a reunião de carros, através de um sistema de carris metálicas de guia e armazenamento.
Por outro lado, permitem ao usuário a obtenção de um carro porta-bagagens prévio pagamento estipulado pelo serviço. No caso de pagar o aluguer, é possível obter um recibo, pressionando o botão no painel frontal do dispensador. No caso de pagamento do depósito, ao devolver o carro na fila dum distribuidor obtém-se um retorno igual ou inferior do depósito (determina-se pelo Aeroporto).

Cada distribuidor dispõe de claros instrutivos no painel frontal complementado por vídeo instruções na tela de 19" sensível ao toque.

O usuário deve digitar o valor correto do aluguer ou depósito em moedas ou notas (de acordo com o modelo do distribuidor). Ao introduzir o valor correto, o painel frontal indica ao usuário que pode retirar o carro do trilho. Além disso, um indicador de LEDS localizado no alto do torniquete, muda do vermelho para o verde (indicando a disponibilidade do carrinho).

O usuário simplesmente deve extrair o carrinho do trilho. Cada distribuidor imprime um recibo detalhado ao acionar o botão no painel frontal. No caso do sistema de depósito-retorno, é dispensado automaticamente um recibo que contém um código único de 4 dígitos que o usuário deve entrar ao devolver o carrinho para obter a restituição correspondente, evitando que outras pessoas obtenham a mesma.

O sistema AEROCODIC é totalmente automático, com controlo centralizado e/ou independente de cada unidade de venda direta. Reúne informações a partir de cada uma das unidades de venda automática na tela principal do centro de controlo informando ao supervisor do estado da operação, em cada momento, e permitindo-lhe dar instruções ao pessoal para manter cada posto de abastecimento cheio de carros. A informação chega em tempo real e o software de AEROCODIC permite a gestão eficaz de todo tipo de tarefa.

2.2- COMPONENTES DO SISTEMA AEROCODIC






O CONJUNTO DOS EQUIPAMENTOS NO SISTEMA AEROCODIC
É possível instalar qualquer número de unidades de venda automática e conectá-la através de uma rede LAN (Ethernet), de acordo com as necessidades do Aeroporto. Isto permite dispor de carros porta-bagagens nos lugares mais importantes, bem como dispõe de distribuidores em pontos onde a gente pode deixá-los.
O uso de LAN Ethernet permite que todas as transações e movimentos dos carros do conjunto de distribuidores possam ser geridos a partir de um único local, o centro de controlo. A partir do centro de controlo, podem acionar alarmes, enviar comandos para os dispensadores e ver toda a operação em tempo real.

• UNIDADE de DISTRIBUIÇÃO (Distribuidor)
A estrutura do distribuidor é metálica, fortemente ancorada ao solo através de parafusos de expansão acerados, hermética e preparada para trabalhar a céu aberto. É capaz de suportar atos de vandalismo

PLACA DE CPU PRINCIPAL
A CPU central está baseada em uma plataforma PC, desenvolvida especificamente por CODIC para controlar os periféricos que constituem o sistema.
Nesta plataforma reside o principal programa de execução.

• IMPRESORA TÉRMICA
A impressora responsável pelo fornecimento de recibos é de tipo térmico e utiliza papel com as mesmas características. É controlada diretamente pela CPU, e atua quando o usuário solicita um recibo através do botão localizado na carcaça para tal fim.
Dispõe de um cortador automático de papel (cutter) que facilita o fato de que, uma vez emitido e cortado o ticket, o mesmo se desloque através de uma rampa, para que o usuário possa retirá-lo.

• ETHERNET CARD
A placa de rede Ethernet tem como função conectar o distribuidor com o Centro de Controle.

• PLACA DE CONTROLO DE DISPOSITIVOS
A placa de controlo, que coordena a função de diversos periféricos, como a tela sensível ao toque de 19", o validador de moedas ou notas, o torniquete distribuidor de carros, etc...

• TECLA DE RECIBO
Além de entregar o recibo ao usuário, este botão tem a função de abrir um menu para o técnico de manutenção poder executar as funções de carregamento e atualização de carros e arrecadação.

• INTERRUPTORES DE ALARME
O distribuidor é composto de vários interruptores para a segurança do mesmo: um disjuntor para constatar se a porta do distribuidor foi aberto sem autorização, outro interruptor para estabelecer se a porta do torniquete e um sistema sonoro de alarme que dispara em caso de atos de vandalismo.

• VALIDADOR DE MOEDAS OU NOTAS
Dependendo da moeda do país onde está instalado o equipamento, cada distribuidor está equipado com um validador de moedas ou, alternativamente, de bilhetes.
Os validadores incorporam medidores eletromecânicos de notas ou moedas aceites. Este validador permite um controlo manual para as arrecadações.
Os validadores de moedas são programáveis para até 4 diferentes denominações da moeda.

• TORNIQUETE E GUIAS
O torniquete e as guias têm como função o recolhimento dos carrinhos porta-bagagens. Na sua estrutura e design inclui-se um mecanismo para a liberação dos carros, e para a contagem automática dos mesmos em caso de recarga. Construídos em aço galvanizados, têm cantos arredondados para evitar danos ou inconvenientes aos usuários e operadores.

2.3- CARROS PORTA-BAGAGENS

O sistema distribuidor da AEROCODIC adapta-se à maioria dos modelos de carros existentes. Não obstante, muitas vezes, o parque existente de carros em um Aeroporto, fica em más condições. Pode ser que, ao avaliar os rendimentos gerados por um sistema de aluguer de carros, um Aeroporto decida aproveitar o momento para renovar o parque de carros com o fim de lançar o novo serviço, estreando novos carros para reforçar a nova imagem do serviço.

Em casos semelhantes, a CODIC propõe uma gama de alta qualidade de carros porta-bagagens fabricados em aço inoxidável ou alumínio, sob métodos homologados ISO 9002.
Existe uma grande variedade para qualquer necessidade. Com ou sem freio, com ou sem cesta, com sistema anti fios, com bandeirola de publicidade, etc...

2.4- O CENTRO DE CONTROLO










• CONFIGURAÇÃO
Como acima mencionado, todos os distribuidores estão ligados através de uma LAN Ethernet. Um computador no centro de controlo, operando com o aplicativo (software) AEROCODIC, mostra toda a informação na tela do sistema e permite, através de ícones, menus e comandos, fazer ver o “status” de cada um dos distribuidores, autorizar coleções, manter alarmes, etc.

• TELA DE LOGIN
Quando o aplicativo é iniciado, você deve digitar um nome de usuário e uma contrassenha. O administrador pode criar diferentes nomes de usuários e inscrever contrassenhas para se cadastrar. Você pode atribuir diferentes níveis de acesso para cada usuário para evitar que os operadores não autorizados tenham acesso aos parâmetros de configuração ou informações restritas.

• PAINEL PRINCIPAL
Depois de digitar o nome de usuário e a contrassenha correta, você entra no painel principal a partir do qual você acede às informações e comandos mais comumente necessários para gerir o sistema. Cada distribuidor tem um ícone e um número que podem ser selecionadas com um clique do “mouse”.
O bloco superior direito informa sobre o estado do distribuidor selecionado pelo usuário.
Botões no bloco inferior direito permitem aceder a outras telas de controlo ou configurações.

• INFORMAÇÕES DETALHADAS
No bloco superior direito, um botão marcado i ativa uma pequena tela de informações adicionais em que se reflete o estado de vários alarmes do distribuidor correspondente.
A partir deste painel, o operador pode ver em tempo real:
• O número de carros atualmente armazenados no distribuidor.
• O valor da arrecadação desde a sua última coleta
• O número do último ticket dispensado
• O número de identificação da arrecadação atual
• O valor da arrecadação prévia

• CARROS E TOTAIS DE ARRECADAÇÃO
Pressionando os botões de CARROS ou EURO é possível conhecer o total global dos carros disponíveis e o total de arrecadação global do sistema.
A informação é mostrada com uma lista por ordem de distribuidores com os seus totais. Esta informação permite saber com precisão o “status” da operação a qualquer momento.

• RESET DO DISTRIBUIDOR
É possível efeituar um “reset” completo do distribuidor ou atualizar o software do centro de controlo.

• LIBERAR OS CARROS
Em algumas circunstâncias, pode ser necessário liberar os carros do mecanismo do torniquete para que se possam retirar sem pagamento prévio.
Está operação pode-se efeituar a partir do painel de controlo.

• ATRIBUIR UM TOTAL DE CARROS A UM DISTRIBUIDOR
Desde o painel de controlo é possível atribuir um número de carros a um distribuidor para reajustar a quantidade depois de uma intervenção ou similar.

• ALARMAS
O sistema mostra todos os alarmes em tempo real, permitindo o operador resolver eventos, quando ocorrer. Cada alarme sai em tela, além de gerar um registro no arquivo histórico.

Os alarmes incluem:
Painel de alarmes
Erro de impressão (sem papel)
Alarme inercial (socos no distribuidor)
Porta superior aberta
Porta aberta torniquete
Mais de um carro retirado em uma operação
Distribuidor sem acesso à rede.
Além disso, há alarmes programáveis.

• MANUTENÇÃO
Ao apertar o botão de manutenção, desde que se tenha o adequado nível de autorização, é possível aceder ao menu de manutenção.
A partir do menu de manutenção, é possível alterar os parâmetros de configuração ou de bancos de dados.

• MANUTENÇÃO - CONFIGURAÇÃO E RELATÓRIOS
Desde o painel de manutenção é possível adicionar novos distribuidores ou alterar qualquer parâmetro dos mesmos, incluindo os limites superiores e inferiores de números de carros permitidos
Além disso:
Introduzir novos nomes de usuário e palavras-chave
Ver, modificar ou imprimir listagens de alarmes por data, distribuidor ou evento.


3. EXPLORAÇÃO DO SERVIÇO: AUDITORIA E ARRECADAÇÃO


A aplicação de software de AEROCODIC tem uma função detalhada de auditoria, na qual se registram todas as arrecadações por número, data, hora, operador, etc.
Por meio do software, o sistema mantém um controlo mais preciso de todas as operações e movimentos de dinheiro e pode produzir relatórios exaustivos sobre os mesmos.

• ARRECADAÇÕES
Quando o distribuidor comunica ao centro de controlo que se atingiu o limite padrão de cobrança, ou quando se realizam as recolhas de forma rotacional, ou diariamente.

• MANUTENÇÃO DE ARQUIVOS
São registradas todas as arrecadações no banco de dados. Usando o menu de manutenção é possível gerenciar os arquivos, adicionar ou ajustar as informações para mantê-las atualizadas em todo momento.
Existem muitos relatórios standard que permitem à gerência acompanhar e analisar a operação diária ou mensalmente.

4. DEFINIÇÃO DO SERVIÇO E OS EQUIPAMENTOS DO FORNECIMENTO





Uma vez que o cliente for convencido das vantagens que lhe oferece um serviço de carros porta-bagagens baseado sobre equipamentos da AEROCODIC, é necessário definir um plano detalhado de negócios que inclui todos os pontos necessários:
Tipo de serviço a oferecer:
• De aluguer ou de Depósito retorno e a taxa de aplicar ao público;
• Tipo de contrato/ operação (Licença ou outro)
• Equipamentos necessários para oferecer um ótimo serviço. (estudo prévio)
• Receitas/ custos para o Aeroporto decorrentes da operação do serviço (Sistema de aluguer)

• OPERAÇÃO DIÁRIA
Cada Aeroporto é um mundo, e as características finais de cada acordo são o resultado de um meticuloso estudo do Aeroporto, consultas e participação do cliente. Às vezes, CODIC tem um parceiro local e, junto com ele, define, oferece e opera o novo serviço.
Normalmente, o cliente fornece informações sobre as suas operações atuais para poder definir a melhor forma de levar a cabo o novo serviço.

É importante destacar que qualquer novo serviço de carros porta-bagagens operado por CODIC (e os seus colaboradores locais) destina-se a oferecer um serviço de máxima qualidade aos usuários e, assim, dar a melhor imagem possível do AEROPORTO através deste serviço.

A gerência do serviço de carros porta-bagagens AEROCODIC se comunica diariamente com os responsáveis do Aeroporto, com o fim de assegurar uma rápida resposta a qualquer pedido do cliente. O nível do pessoal e seus horários são flexíveis para sempre poder responder às necessidades reais do Aeroporto, em cada momento.
Um programa rigoroso de manutenção assegura que todos os computadores estão em pleno funcionamento em todo momento.



 
CODIC. c/ Frederic Mompou 4. Esc A. 4º2ª. 08960 Sant Just Desvern. Barcelona, Spain. Tel. (+34) 93 372 17 24 / 93 371 47 15. e-mail: info@codic.com
HOME   |   PRODUTOS / SERVIÇOS   |   CLIENTES/ PROJETOS   |   EMPRESA   |   ENLACES   |   DOCUMENTAÇÃO PDF   |   CONTATO   |   MAPA DO SITE   |